A exuberante área verde no campus da Fiocruz e o Castelo Mourisco, em Manguinhos, servirão de cenário para comemorar o aniversário de 117 anos da Fundação Oswaldo Cruz, cuja programação começa amanhã, sábado (27/5), às 10h, com o “Piquenique Científico”, e continua até o dia 31/5 com vacinação e orientações de saúde, shows, teatro, a tradicional Corrida & Caminhada Fiocruz Saudável, e lançamentos de livros.

As atividades, realizadas em estandes montados na Praça Pasteur, ao lado do Castelo, são para toda a família e encantam, especialmente, crianças em idade escolar. Turistas em visita pela cidade se deslumbram com a beleza do lugar e têm a oportunidade de conhecer a importância da Fiocruz para a ciência do Brasil e do mundo. Em 2017, completam-se, ainda, 100 anos sem Oswaldo Cruz, cientista e médico brasileiro pioneiro no estudo das moléstias tropicais e da medicina experimental no país.

Confira aqui a programação completa.

ANALUCIA LIMP - fiocruz
O Castelo, ou Pavilhão Mourisco (foto: Ana Lucia Limp – Fiocruz)
visita ao Castelo fiocruz
Visita ao Castelo

O Castelo
A visita o Pavilhão Mourisco, ou Castelo, como também é conhecido o prédio-símbolo da Fiocruz construído no início do século 20, pode contemplar a arquitetura em estilo neomourisco, a beleza dos azulejos portugueses e os mosaicos inspirados em tapeçaria árabe do Castelo. Esse prédio centenário também abriga fotos e documentos históricos, reunidos na exposição “Passado e Presente – ciência, saúde e vida Pública”. Os objetos revelam o contexto histórico marcado por vários episódios, como a Revolta da Vacina, e personagens emblemáticos como Oswaldo Cruz e Carlos Chagas!

O passeio inclui, também, uma mostra entomológica que reúne insetos da coleção de Ângelo Moreira da Costa Lima, importante pesquisador brasileiro que trabalhou com Oswaldo Cruz no combate à febre amarela.

Pavilhão Arthur Neiva, com mural de azulejos desenhado por Burle Marx
Pavilhão Arthur Neiva, com mural de azulejos desenhado por Burle Marx

Núcleo de prédios modernistas
Quem curte arquitetura e visita a Fiocruz ainda tem a chance de conhecer os quatro prédios do núcleo modernista do lugar: o Pavilhão Arthur Neiva, ou Pavilhão de Cursos, construído entre 1948 e 1951, com mural de azulejos desenhado por Burle Marx; o Pavilhão do Restaurante Central, ou Pavilhão Carlos Augusto da Silva, construído entre 1947 e 1951, que garantiu ao arquiteto Jorge Ferreira menção do júri na 1ª Bienal de Arquitetura de São Paulo, em 1951; o Pavilhão de Patologia (atual Carlos Chagas) e o Pavilhão da Biologia.

SERVIÇO
Aniversário de 117 anos da Fundação Oswaldo Cruz
Dia/hora: de 27 a 31/5, diversos horários
Confira aqui a programação completa.
Local: Fiocruz – Av. Brasil, 4365 – Manguinhos – Tel.: (21) 2598-4242

DICA DE ACESSO
O campus-sede da Fiocruz fica no bairro de Manguinhos, na Zona Norte do Rio de Janeiro. O acesso principal é pela Avenida Brasil, na altura da passarela 6. A entrada auxiliar fica na Rua Leopoldo Bulhões 1.480, quase em frente à estação de trem de Manguinhos.