Símbolo da gastronomia brasileira e um dos pratos típicos mais populares do país, a feijoada é marca registrada do Carnaval. Abrindo a folia carioca, depois de dois anos de ausência, a Feijoada do Amaral volta em grande estilo à Cidade Maravilhosa para comemorar 40 anos de existência, resgatar o posto de melhor feijoada carnavalesca do planeta e mostrar a diversidade gastronômica do feijão e da cultura. O evento aconteceu no sábado, 25, no Le Club – Vogue Square, na Barra da Tijuca, e reuniu mais de duas mil pessoas.

Ricardo, Gisela e a neta Maria Julia
Ricardo, Gisela e a neta Maria Julia

“A feijoada é marca registrada da cidade e do Carnaval carioca. Seu retorno deveria ser em grande estilo e, lógico, num dos locais mais badalados do Rio de Janeiro”, destacou Ricardo Amaral, grande precursor da festa. “A Feijoada do Amaral é patrimônio cultural do Rio. Já estava mais que na hora de voltar e trazer alegria, diversão e boa gastronomia à cidade”, afirmou a secretária municipal de Cultura, Nilcemar Nogueira, que prestigiou o evento.

IMG_5270
A alegria de Nilcemar Nogueira

Feijão, arroz branco, torresmo, farofa, couve, costelinha, linguiça, carne seca, caldinho, laranja seleta, pimenta, purê de abóbora e carne seca desfiada com cebola. Tudo regado a cerveja bem gelada e caipirinha. Sob o comando do chef Tião e da chef Heaven Delhaye, o evento, que é sinônimo de prestígio e diversão, foi um sucesso. Claro! Pela segunda vez seguida no comando das panelas, a chef Heaven Delhaye estava realizada. “Eu vim participar do grupo para trazer um pouco mais de novidades: alguma variedade para aquelas pessoas que querem comer algo mais leve”, ressaltou a superchef, destacando as saladas de salmão e muçarela, e o cuscuz marroquino com paleta de cordeiro.

IMG_2905 A CHEFE-HELAVIN BELHAYN
A talentosíssima chef Heaven Delhaye

Para Heaven, a parceria com o chef Tião é o ingrediente especial deste sucesso. “O mais bacana disso tudo é que não preciso fazer sozinha, pois o Tião está comigo. E eu me sinto muito mais segura. A gente pensou em todo mundo, em tudo bem gostoso e perfeito, para que as pessoas viessem e se sentissem acolhidas”, destacou. “Como chef, me sinto realizada!”

IMG_5222 (1)
“Sinto muita alegria por estar aqui”, diz o chef Tião

Comandando a feijoada desde a primeira edição da festa, o chef Tião era só orgulho e emoção. “Agradeço novamente essa oportunidade. É uma grande honra o Ricardo Amaral me dar essa oportunidade e entregar essa feijoada, esse evento tão importante, nas minhas mãos. E ao final desta festa, as pessoas elogiando, eu sinto muita alegria por estar aqui”, disse, emocionado.

E para animar ainda mais a festa, o grupo de pagode Puro Acaso aqueceu os foliões, contagiando a todos e fazendo todo mundo sambar. E como é Carnaval e o espetáculo não pode parar, os músicos da Orquestra Voadora também entraram na festa, espalhando alegria com as marchinhas misturadas a samba, trilhas sonoras de filmes, e rock.

Uma palavra resume tudo: sensacional!

Maurício Poeta, do Puro Acaso, é pura animação
Maurício Poeta, do Puro Acaso, é pura animação. Fotos: Sebastião Marinho