Por Laura Souza

A Cidade Maravilhosa não tem esse apelido por acaso. Além de todas as programações que oferece, as belezas naturais e os cartões-postais são o diferencial para quem mora e para quem vem passear. O Rio Book montou um roteiro especial para os pequenos que têm energia para dar e vender e querem sempre novidades: as crianças.

Com elas, não tem tempo ruim. Do verão ao inverno, de janeiro a janeiro, qualquer dia da semana, qualquer hora tem que ter programa! Por isso, reunimos dicas de locais que certamente farão sucesso com a criançada. É só montar o mapa com suas sugestões preferidas e liberar a criança interior para se divertir junto com eles!

CARTÕES-POSTAIS
AquaRio
O turismo do Rio já era muito ligado ao mar por conta de todas as belezas naturais que ele envolve. O AquaRio veio para coroar esse paixão aquática! O aquário marinho tem estrutura para visitação pública de nível internacional.

Com 26 mil m² e 4,5 milhões de litros de água, é o maior Aquário Marinho da América do Sul e suporta até 8 mil animais de 350 espécies diferentes em exposição. Diversas atrações, tanques grandiosos e toda a infraestrutura necessária proporcionam um entretenimento educativo e divertido.

Uma das maiores atrações do AquaRio é o tanque principal, o Recinto Oceânico e de Mergulho. Com 3,5 milhões de litros de água, 7 metros de pé-direito e um túnel no seu interior, a combinação da impressionante massa d’água com a grande quantidade de peixes proporciona uma experiência incrível. Já o Aquário Marinho Virtual possui instalações que permitem total interatividade com o visitante. E ainda tem o Museu de Ciências. E mais! Você pode comemorar o seu aniversário lá! Eles oferecem toda estrutura e certamente será inesquecível.

Peixe-Leão no AquaRio
Peixe-Leão no AquaRio

Praça Muhammad Ali – Gambôa
www.aquariomarinhodorio.com.br

Bosque da Barra
O Parque Natural Municipal Bosque da Barra é uma das áreas verdes mais visitadas da Barra da Tijuca. Com 50 hectares, o parque tem espaço de sobra para as crianças brincarem e também garante a diversão dos adultos.

A estrutura de lazer inclui quadras de vôlei, campos de futebol, grandes gramados, playgrounds e churrasqueiras. Dá para fazer trilhas, piqueniques, caminhar, correr e andar de skate, patins, bicicleta. Tudo isso em um cenário bucólico, às margens de um grande lago, com trechos arborizados e alamedas. Quase um cenário de novela no meio do complexo urbano que é a Barra!

Bosque da Barra
Bosque da Barra

Avenida das Américas, Km 06, 6000 – Barra da Tijuca
Facebook do Bosque da Barra

Espaço Cultural da Marinha
Conhecer o Centro Cultural da Marinha é uma verdadeira viagem no tempo! Com uma área expositiva de cerca de 1.100 m², o espaço está instalado nas antigas docas da Alfândega e abriga parte importante do acervo da Marinha do Brasil. O passeio é para as crianças, mas certamente os adultos também se encantam com tanta “história viva”. Já na entrada é possível ver a Galeota D. João VI, construída em 1808, e voltar ao século XIX. A nau da Era dos Descobrimentos, atracada ao cais do Espaço, também nos transporta para a época das viagens no tempo das grandes navegações. A embarcação abriga ainda uma exposição sobre a vida a bordo no final do século XV e início do XVI.

A viagem continua e aí temos a sensação do passeio: o submarino Riachuelo. Construído em 1973, na Inglaterra, faz qualquer um se impressionar com seu tamanho.  Após 20 anos de operações no mar, foi reclassificado como Submarino-Museu. E podemos conhecer ainda o Rei do Mar, como é chamado o helicóptero antissubmarino SH3 Sea King, que funciona como museu desde 2005 e fica aberto para visitação.

Submarino Riachuelo
Submarino Riachuelo

E além da viagem no tempo, também tem a viagem pela Baía de Guanabara: do museu saem diariamente passeios para a Ilha Fiscal e para a entrada da Baía, onde os viajantes podem conhecer diversos pontos turísticos e históricos e o local do último baile do Império.

Ilha Fiscal: arquitetura e história no passeio do Espaço Cultural da Marinha
Ilha Fiscal: arquitetura e história no passeio do Espaço Cultural da Marinha

Avenida Alfred Agache – Centro
https://www.marinha.mil.br/dphdm/espaco-cultural-da-marinha
2532-5992/2233-9165.

Centro Cultural Banco do Brasil
No coração da área onde o Rio nasceu – o Centro da cidade – o Centro Cultural Banco do Brasil é o maior polo de cultura da cidade. E tem endereço certo desde 1989. Em estilo neoclássico, o prédio tem 17 mil m2, onde funcionam quatro salas de exposição, dois teatros, uma biblioteca, um auditório e salas de vídeo e cinema de diversos tamanhos, além do café e da livraria. Abrigo para as principais exposições estrangeiras que aportam no Rio de Janeiro e para as nacionais que precisam de um palco de grande porte, o CCBB também oferece uma programação infantil intensa, com exposições, espetáculos, mostras de filmes, debates e oficinas.

O melhor do CCBB, além de sua localização central e de fácil acesso, é que tudo é de graça ou tem valor de ingresso bem baixo. Além disso, os horários são variados, garantindo programação para quem quer curtir o final de semana com as crianças desde de manhã até o cair da tarde.

Salão do CCBB
Salão do CCBB

Rua Primeiro de Março, 66 – Centro
3808-2020
culturabancodobrasil.com.br

Parque Lage
De engenho de açúcar, nos tempos do Brasil Colônia, a Escola de Artes Visuais (EAV), o Parque Lage guarda, em 52 hectares de área verde, memórias bem conservadas da história da cidade. O mais charmoso parque do Rio é aconchegante e proporciona uma interessante viagem ao passado por conta de suas esculturas e instalações artísticas.

Aos pés do Corcovado, o local foi tombado como patrimônio histórico e cultural da cidade em 1957. A antiga propriedade do industrial Henrique Lage abriga uma mansão que o herdeiro da família mandou construir para a esposa, a cantora lírica Gabriela Besanzoni Lage. O casarão é projeto do arquiteto italiano Mario Vodrel e abriga hoje a EAV, que promove cursos, exposições e seminários.

Com uma extensa área verde, o Parque é um programa perfeito para a família toda. As crianças podem explorar o local e descobrir os lagos, o aquário, as trilhas, a área de brinquedos… E, claro, curtir um café da manhã ao redor da piscina da EAV, no Bistrô Plage.

Café da manhã no Parque Lage
Café da manhã no Parque Lage

Rua Jardim Botânico, 414 – Jardim Botânico
2334-4088
www.eavparquelage.rj.gov.br

Pão de Açúcar
Não há roteiro no Rio que não inclua a subida a um dos mais belos e conhecidos ícones naturais do mundo: o Pão de Açúcar. Localizado bem na entrada da Baía de Guanabara, o famoso cartão-postal é um verdadeiro patrimônio da Cidade Maravilhosa.

Há quem faça trilhas para chegar até o topo do Pão de Açúcar. Esta é, inclusive, uma ótima opção para crianças aventureiras. A trilha começa na Pista Cláudio Coutinho, é bem sinalizada e sempre conta com a participação especial de pássaros e micos. As escaladas também são uma opção para os mais radicais. Porém, o transporte oficial é por outro ícone carioca: os charmosos e confortáveis teleféricos envidraçados do Caminho Aéreo do Pão de Açúcar – ou bondinho, para quem tem intimidade.

Lá de cima, além de uma variada programação infantil que acontece principalmente aos finais de semana, é possível dar uma aula de geografia carioca, mostrando a Enseada de Botafogo, a Baía da Guanabara, a Pedra da Gávea, a Serra do Mar e a imensidão do Oceano Atlântico. De tirar o fôlego!

Bondinho e Pão de Açúcar
Bondinho e Pão de Açúcar

Av. Pasteur, 520 – Urca
2546-8433
www.bondinho.com.br

Cristo Redentor
No alto do Morro do Corcovado está o mais famoso cartão-postal do Rio: de braços abertos sobre a Guanabara e eleita uma das Sete Novas Maravilhas do Mundo Moderno, a estátua do Cristo Redentor é um ícone do Rio de Janeiro.

Inaugurada em 1931, é até hoje a imagem brasileira mais reconhecida no mundo. Imponente, o Cristo mede 32 metros, pesa 1.145 toneladas e conta com elevadores e escadas rolantes. A criançada – assim como os adultos – fica impressionada com o tamanho. Ao chegar aos pés da estátua e olhar lá para cima, dá a impressão de que sua cabeça fica lá no céu!

Para chegar até lá, uma atração à parte! O trenzinho encanta seus passageiros e ainda proporciona uma visão privilegiada da Mata Atlântica. Um passeio para ficar na memória!

O Cristo e o trenzinho subindo
O Cristo e o trenzinho subindo

Rua Cosme Velho, 513 – Parque Nacional da Tijuca, Cosme Velho
Tel.: 2558-1329
www.tremdocorcovado.rio

Lagoa Rodrigo de Freitas
Como se não bastassem suas praias e florestas, os privilegiados bairros de Ipanema, Leblon, Gávea e Jardim Botânico ainda contam com a beleza da Lagoa Rodrigo de Freitas. O espelho d’água emoldurado por montanhas cobertas de verde é circundado por uma ciclovia de oito quilômetros e três parques com pistas de skate, quadras para a prática de esportes e inúmeros bares e restaurantes.

A Lagoa é um polo de lazer que atrai cariocas e visitantes, adultos e crianças. Nossa dica para agradar a criançada é fazer um belo piquenique nos grandes gramados, com direito a frutas, guloseimas e tolha no chão. Os pequenos adoram e os adultos também se divertem!

Piquenique ao pôr do sol
Piquenique ao pôr do sol

Planetário
Desde 1970, o Planetário do Rio encanta o público de todas as idades proporcionando uma visão diferente do céu. Sua missão é difundir a Astronomia e as ciências afins, oferecendo cultura e lazer de qualidade para os cariocas e turistas.

Além das Sessões de Cúpula – que são um espetáculo indescritível –, as outras atividades e projetos culturais, como experimentos interativos, cursos, palestras e exposições, também possibilitam uma interação com as mais diversas áreas da ciência. É como se tudo que admiramos quando olhamos para o céu estivesse a um toque de distância. Simplesmente mágico!

Cúpula Galileu Galilei
Cúpula Galileu Galilei

Rua Vice-Governador Rubens Berardo, 100 – Gávea
2088-0536
www.planetariodorio.com.br

Jardim Botânico
Com um espaço de 54 hectares, o Jardim Botânico é o pulmão do Rio de Janeiro. Uma das mais belas e bem preservadas áreas verdes da Cidade Maravilhosa é um verdadeiro exemplo da enorme biodiversidade da flora brasileira.

Além de toda interação com a flora – são cerca 6.500 espécies de plantas e árvores –, as crianças poderão conhecer monumentos de valor histórico, artístico e arqueológico, ir até as estufas e se encantar com o orquidário. Total conexão com a natureza!

 Jardim Botânico
Jardim Botânico

Rua Jardim Botânico, 1008
3874-1808 / 3874-1214
www.jbrj.gov.br

Se depois dos passeios pinta uma fominha, nada melhor do que ir em um restaurante onde a brincadeira continua. O Rio Book preparou uma lista com alguns restaurantes onde as crianças se divertem e os pais, também!

Fotos: Divulgação e Acervo Rara Cultural (Jardim Botânico – Rio Book [Estúdio Líquido])