Por Laura Souza

Ao nascer carioca já existe uma enorme probabilidade de gostar de praia. As praias do Rio, além de belíssimas, fazem parte do cotidiano dos moradores. Seja uma passada no meio do dia para observar a quebrada das ondas, seja aquela caminhada pela orla para revigorar as energias ou o programa preferido do final de semana, não importa. O carioca é “praieiro”!

A cultura praiana tem hábitos e rituais. E o mais delicioso é: a comida! Não tem praia se não tiver picolé Itália, biscoito O Globo, mate do galão… O Rio Book listou todas essas preciosidades das areias para deixar todo mundo com gostinho de “quero mais” – ou seria de “quero mar”?

 

Olha o picoléééé!

O sorvete Itália já é tradição há 30 anos. As receitas mudam, novos produtos são incorporados, mas o gostinho de verão se mantém. Por isso que o picolé da Itália não pode faltar na praia. Quando o ambulante se aproxima anunciando “Olha o picolé!!!” os banhistas já sabem: hora da pausa para dar aquela refrescada. E pode escolher entre os muitos sabores que têm tudo a ver com o Rio: açaí com guaraná, chocolate africano, chocomenta, groselha, tapioca, batida de coco, caipirinha de limão, detox, iogurte com frutas do bosque, torta de limão e por aí vai. Delícias geladas!

Sorvete-Italia_carrinho_2012

 

Biscoito Globo

A história dos biscoitos Globo começou em 1953, em São Paulo, quando os irmãos Milton, Jaime e João Ponce foram morar com um primo que possuía uma padaria no bairro do Ipiranga.  Lá eles aprenderam a fazer biscoitos de polvilho e, no ano seguinte, perceberam que as terras cariocas seriam um excelente mercado para seu produto.  

Foram contratados para trabalhar em uma padaria, em Botafogo, que se chamava Globo. Daí o nome do biscoito. A procura cresceu e eles fizeram uma sociedade com um senhor português especialista em pães. A sociedade se mantém até hoje e o sucesso também!

O biscoito Globo, nas versões doce e salgada, combina com a praia, com a areia. Seus saquinhos de papel são os únicos que resistem à ação do sol. E conservam o biscoito do jeito que a gente gosta: sempre fresquinho, crocante e gostoso!

 

Mate do galão

Arroz com feijão, goiabada com queijo, café com leite… E biscoito Globo com mate do galão. Alvo de muitas críticas e muitas polêmicas, o mate vendido no galão, segundo os apreciadores e especialistas, tem outro gosto. Ainda tem a opção de colocar metade mate e metade limonada – também do galão. Para refrescar o calor com aquele gostinho de sol, de sal e de mar!

vendedor-biscoito-globo-e-mate